Regina Esteves na Exame | Governança Ambiental, Social e Corporativa: Por que precisamos falar de ESG?

Já são 59% das empresas que preveem que a responsabilidade pela estratégia ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa) passará para níveis hierárquicos mais altos nas companhias, diz estudo que está prestes a ser lançado. É uma ideia que cresceu rápido nas empresas – e deve continuar assim

Já são 59% das empresas que preveem que a responsabilidade pela estratégia ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa) passará para níveis hierárquicos mais altos dentro das companhias.

Leia também: BISC 2020 traz dados completos do investimento social corporativo brasileiro

É isso que aponta a recente pesquisa, que ainda será lançada,Global Impact at Scale: Corporate Action on ESG Issues and Social Investments 2020 (GIS).

Leia também: Com participação do BISC, relatório internacional que mede impacto global dos ESG é lançado

Esse é o 1º levantamento global sobre o cenário e impactos dos ESG, que contou com a participação de quase 200 empresas que possuem receita média de 8 bilhões de dólares e estão sediadas em 23 países.

 

>> Leia o artigo completo clicando aqui.

Sem comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Newsletter

Insira seu e-mail e receba conteúdo sobre o campo do investimento social corporativo!

Nossas redes

_

A COMUNITAS

A Comunitas é uma organização da sociedade civil especializada em modelar e implementar parcerias sustentáveis entre os setores público e privado, gerando maior impacto do investimento social, com foco na melhoria dos serviços públicos e, consequentemente, da vida da população.

Exceto onde indicado de outra forma, todos os conteúdos disponibilizados neste website estão licenciados com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

Copyright 2022. All Rights Reserved.

Desenvolvido por MySystem